Alektos – Para que serve, bula

O Aktos é indicado para o tratamento dos sintomas da rinoconjuntivite alérgica, e ao tratamento dos sintomas da urticária

Escrito por -


Toda doença é chata, mas algumas incomodam um pouco mais. A conjuntivite, a rinoconjuntivite alérgica e a congestão na nasal são algumas dessas. Não são graves – na maioria das vezes – a ponto de trazer maiores complicações, mas são chatas o suficiente para deixar qualquer um muito irritado.

O Alektos, medicamento composto por celulose microcristalina, amidoglicolato de sódio, dióxido de silício e estearato de magnésio, é indicado e pode ajudar no tratamento desses problemas.

Indicação do medicamento Alektos

alektos para que serve
O Alektos age contra os sintomas da rinoconjuntivite alérgica como espirros, nariz entupido,  coceira, secreção nasal, olhos vermelhos e lacrimejantes.

Ele também é útil no tratamento da urticária crônica, agindo contra sintomas como erupções da pele com placas avermelhadas (eritemas) e pápulas, acompanhadas de coceira. Por conter bilastina, um anti-histamínico de segunda geração, ele possui uma atividade anti-inflamatória. Por isso, ajuda a inibir os receptores da H1, mas sem causar efeitos sedativos ou cardiotóxicos.



Efeitos colaterais do remédio Alektos

Além de ser contraindicado para menores de 12 anos, o Alektos também não deve ser usado por pessoas que possuem hipersensibilidade a bilastina ou a qualquer um dos outros componentes do medicamento. O remédio pode causar alguns efeitos colaterais com frequência desconhecida, como palpitações no coração ou taquicardia (rápido batimento do coração). No caso de algum desses sintomas tornarem-se frequentes e perigosos, ou no caso de outros surgirem, é necessário avisar seu médico ou farmacêutico.

Como o Alektos é um medicamento relativamente novo, alguns desses sintomas ou até outros desconhecidos, podem surgir. Mesmo que as pesquisas tenham mostrado eficiência, é importante ficar atento a esses sinais, pois mesmo com o uso correto em relação a dosagem e horários, o medicamento pode apresentar efeitos colaterais. Por isso, é imprescindível informar médico ou dentista no caso de qualquer irregularidade.

alektos bula
Foto: Takeda

Leia mais:
Norfloxacino 400 mg – Para que serve, bula
Cetoprofeno – Para que serve, bula

Alektos – Bula 

O Alektos é um medicamento que deve ser administrado exclusivamente por via oral. Seu consumo deve ser feito sempre em um jejum de uma a duas horas de qualquer tipo de alimento e bebida, inclusive sucos naturais de frutas. Os comprimidos devem ser tomados com uma quantidade de água que seja suficiente para a melhor deglutição de seus componentes.

A dose desse remédio que geralmente é indicada pelos médicos é de um comprimido de Alektos de 20 mg ao dia. O tempo de uso do medicamento para rinoconjuntivite alérgica e urticária crônica depende muito das características clínicas apresentadas pelo paciente, ou seja, para continuar ou parar o tratamento, é necessário procurar um médico.

Confira a bula Alektos.




Alektos – Para que serve, bula
Avalie!